Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Maria

Lilypie Fifth Birthday tickers

Maria banho.jpg

João

Lilypie Second Birthday tickers

C:\Documents and Settings\isabel.faria\My Document

Visitas

contador gratis

calendário

Abril 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Pesquisar

 


A festa de anos da madrinha

Sábado, 07.04.12

Foi um jantar logo na 6ªfeira, dia 23, no seu dia de aniversário. Como pessoa de pessoas que é, por ela tinha toda a família e amigos a celebrar lá em casa com ela{#emotions_dlg.king}. Mas com as restrições impostas pela logística, teve de convidar "apenas" nós os 3 (eu, Bruno e Maria), os pais, os avós, os padrinhos, e os tios Catucha e Ferdy.

Com o trabalho a apertar (eis a razão pela qual este blog anda tão paradinho), só consegui chegar a casa dos meus pais mesmo às 20h30, mas o Bruno já lá se encontrava com a Maria há algum tempo. Aliás, ela até já tinha jantado!

E logo depois começaram as visitas todas a chegar e a mimar a princesa da família. A Maria recebeu imensas beijocas das bisavós e uma bela surpresa da tia Teté: um jogo-puzzle em cartão (numa caixinha de madeira), para encaixar diferentes personagens de acordo com as suas vestimentas. Da Imaginarium. Um jogo para maiores de 3 anos, mas que a Maria adorou (claro que ainda não o percebe bem). A tia Teté até esteve sentada no chão a mostrar-lhe como funcionava. E depois a avó.

O jantar decorreu muito animadamente, especialmente porque só quando as pessoas se foram sentar é que a avó percebeu que pusera 2 lugares a menos na mesa{#emotions_dlg.happy}. Barraca total, mas com risota e boa disposição (e vontade de se apertar um pouco mais) tudo se resolveu.

A Maria estava sentada na sua cadeira alta e foi provando um pouco de cada prato. Ela que já jantara e já andara a "engolir" amendoins e afins.

Com o apagar das luzes para cantar os Parabéns, a Maria salta para o colo do avô para assistir de perto ao soprar das velas. Fica sempre extasiada com as pessoas a cantar às escuras e com o momento de apagar as velas. E, claro, bateu palmas no fim, contente pelas palmas serem gerais e animadas (em casa, somos só 3 a bater palmas e nem sempre 2 de nós estão muito convictos).

Mas claro que a estrela gastronómica da noite foi o "Grande Imperial", bolo/doce que a madrinha pediu para ser o seu bolo de aniversário. A avó fez (é a sua especialidade) e estava com um aspecto óptimo. Tanto que a Maria nem conseguia desviar o olhar {#emotions_dlg.drool}das mãos da avó, que servia doses generosas aos convidados.

E foi aqui que aconteceu a asneira da noite: eu e Bruno comíamos sossegados num canto da mesa, e Maria sentada ao colo do avô. A avó serve-lhe uma dose pequena de bolo (cheio de mousse de chocolate fresca). Maria "limpa" a coisa num instante (come sozinha e sem se sujar) e pede mais. Digo para não lhe servirem muito. Maria "aspira" o reforço de chocolate e pede mais. Espreito do meu canto e digo para pararem de lhe dar doces. Mas a avó "só mais um bocadinho" (o avô até estava tentado a proibir, mas foi vencido) lá lhe deu mais umas colheres generosas. Eu já temia pelos níveis de açucar da miúda!

A festa chegou ao fim porque os convidados se sentiam cansados e a Maria também tinha de "recolher às boxes rapidamente", de tão estoirada (mas feliz da vida).

Foi um jantar muito alegre, cheio de gente animada, com boa conversa e boa comida, e com uma Maria a portar-se bem{#emotions_dlg.smile}. Ah, e com uma madrinha feliz com o presente que a Maria lhe ofereceu (mala da Desigual para fazer conjunto com o vestido).

E como previsto (e temido), a Maria até adormeceu bem rapidinho, mas às tantas da manhã acordou a gemer. "Queres isto?" e "Queres aquilo?" para aqui e para ali, e a coisa só acalmou quando ela vomita todo aquele chocolate extra que os avós "estragadores com mimos" lhe deram{#emotions_dlg.mad}. Para a próxima já sei: se os avós lhe fizerem a vontadinha com os doces, ficam com ela durante a noite. É que andar a limpar roupas e chãos às tantas da madrugada não é doce nenhum!

 

Fotos da parte boa da noite:

  1. Com a tia Teté a brincar com o novo jogo
  2. Com a avó idem idem aspas aspas
  3. Na conversa com o tio João
  4. Entre os avôs João (é um nome muito ouvido nesta família!)
  5. A soprar as velas com a madrinha
  6. A cobiçar uma fatia de bolo (olhar de "para mim também por favor!")

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por MIF às 15:31

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.



Comentários recentes

  • Dentista em Lisboa

    Sempre que as crianças fazem uma conquista é uma v...

  • Janete

    Que doçura de blog! Parecem muito felizes!

  • Paula

    OláA procura de sítiio onde ficar no algarve ,enco...

  • Preta

    Este blog encerrou e não avisaste os teus leitores...

  • MIF

    Fica prometido!Beijinhos e saudades,MIF






subscrever feeds